Follow by Email

Total de visualizações de página

domingo, 8 de janeiro de 2012

Feijoada dos Velhos Malandros

No sábado, 7 de janeiro, a convite do amigo e produtor Alexandre Nadai, fui participar da FEIJOADA DOS VELHOS MALANDROS realizada no Teatro Odisséia dos ARCOS DA LAPA. Convidado para declamar um CORDEL de minha autoria e sabendo que a atração do dia seria o sambista NOCA DA PORTELA, preparei o seguinte poema em homenagem aos VELHOS MALANDROS e apresentação do artista:

FEIJOADA DOS VELHOS MALANDROS
Autor: Victor Lobisomem

Me chamaram pra uma feijoada
Aceitei o convite muito honrado
Pois gostei de ter sido convidado
Para junto dessa rapaziada
E curtir uma boa batucada
Bem no meio de tanta gente boa
Da Lapa, Bonsucesso e da Gamboa
Niterói, Morro Azul e Madureira
Jacaré, Cantagalo e da Pereira
Pra sambar no balanço da canoa


E fazer uma justa homenagem
Aos malandros aqueles grandes bambas
Que nos brindam com os seus belos sambas
E que seguem uma nobre linhagem
Salve a nova e a velha malandragem
Salve a Lapa e o Rio de Janeiro
Salve Estácio, Mangueira e Salgueiro
Império, Portela e Vila Isabel
Salve Wilson, Geraldo e Noel
Salve o povo de rua brasileiro


Admiro o malandro de verdade
Aquele que anda limpo e elegante
Trata bem a mulher, é bom amante
Tem palavra, honra e honestidade
Aquele que ao partir deixa saudade
E que traz alegria ao retornar
Em qualquer ambiente sabe entrar
Também sabe sair na hora certa
Sabe bem aonde o seu calo aperta
E é por isso que pisa devagar


Eu jamais poderia me esquecer
Do malandro que é minha inspiração
Companheiro que me dá proteção
Nos caminhos que eu vivo a percorrer
Ele sempre acompanha meu viver
Fortalece e inspira minha fé
Pra enfrentar o balanço da maré
De canoa remando com cuidado
Deixo um salve e um muito obrigado
Meu amigo velho malandro Zé!


Eu também quero homenagear
A um grande malandro portelense
E pra isso não vou fazer suspense
O seu nome agora eu vou falar
É uma satisfação lhe encontrar
Sua história é obra da mais bela
Conhecido no asfalto e na favela
E cantado por todo esse Brasil
Ele é nota dez, é nota mil
Ele é o mestre Noca da Portela!

Noca da Portela, Adilson Bispo, Alexandre Nadai e Victor Lobisomem

Assista também o vídeo no youtube:

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=z2Dq7_gin5k#!